Últimas Notícias
Investing Pro 0
Versão sem anúncios. Atualize a sua experiência na Investing.com. Poupe até 40% Subscreva Agora

Companhias aéreas contra a 5G perto de aeroportos nos EUA

Economia 18.01.2022 15:40
Guardado. Veja Artigos Guardados.
Este artigo já foi guardado em Artigos Guardados
 
© Reuters. Companhias aéreas contra a 5G perto de aeroportos nos EUA

Os presidentes de 10 companhias aéreas dos EUA alertam para o potencial "caos" que poderá decorrer do lançamento, na quarta-feira, da 5G em torno dos aeroportos. Acreditam que esta tecnologia pode interferir com os instrumentos de bordo e não só.

A questão deriva do facto de ter sido atribuída à 5G, nos EUA, uma frequência próxima da usada em instrumentos de bordo, entre eles o altímetro, nos aviões.

Numa carta enviada à administração Biden e às entidades reguladoras do setor frisavam que "é necessário agir, de imediato, para evitar perturbações operacionais significativas para os passageiros, transportadoras, cadeias de abastecimento e fornecimentos médicos de urgência".

 

"Múltiplos sistemas modernos de segurança nas aeronaves serão considerados inutilizáveis causando um problema muito maior do que o que o previsto. Os fabricantes de aviões informaram-nos que existem enormes faixas da frota operacional que poderão ter de ser imobilizadas, indefinidamente".

United Airlines

 

Num dia como o de segunda-feira, e para evitar esses riscos, "a grande maioria dos passageiros e transportadoras" ficariam em terra, ou seja, "mais de 1.100 voos e 100.000 passageiros estariam sujeitos a cancelamentos, desvios ou atrasos".

A implementação da tecnologia 5G perto dos aeroportos tinha sido adiada, a pedido das companhias aéreas, mas as empresas de telecomunicações poderão agora retomá-la.

Companhias aéreas contra a 5G perto de aeroportos nos EUA
 

Artigos Relacionados

Adicione um comentário

Diretrizes para Comentários

Encorajamos o uso de comentários como forma de interagir com os nossos usuários, compartilhar a sua perspetiva e fazer perguntas. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado no tema. Apenas coloque conteúdo relativo ao tópico.
  • Seja respeitoso. Até as opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias ou ataques pessoais dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de registro no futuro, a critério Investing.com.

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja eliminar este gráfico?
 
Postar
Também publique em :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua capacidade de comentar está suspensa devido a relatórios negativos por partes utilizadores. O estado será revisto pelos nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja eliminar este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua capacidade de comentar está suspensa devido a relatórios negativos por partes utilizadores. O estado será revisto pelos nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar Bloqueio

Quer mesmo bloquear %USER_NAME%?

Se o fizer, não poderá consultar as mensagens de %USER_NAME% e vice versa em Investing.com.

Adicionou %USER_NAME% com sucesso à sua Lista de Bloqueios

Uma vez que acabou de desbloquear esta pessoa, deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Registe-se com o Google
ou
Registe-se com email