Desbloqueie Dados Premium: Poupe até 50% na InvestingProOBTER OFERTA

Presidente da Uber renuncia menos de 7 meses após assumir cargo

Publicado 20.03.2017, 13:26
© Reuters.  Presidente da Uber renuncia menos de 7 meses após assumir cargo
GOOGL
-
GOOG
-

Por Heather Somerville

SÃO FRANCISCO, 20 Mar (Reuters) - O presidente do Uber Technologies UBER.UL , Jeff Jones, decidiu deixar a companhia menos de sete meses depois de ter assumido o cargo, intensificando as turbulências que rondam a empresa.

Num comunicado enviado à Reuters, Jones afirmou que não poderia continuar como presidente de um negócio com o qual não era compatível.

"Eu juntei-me à Uber por causa de sua missão, e o desafio de construir capacidades globais que ajudariam a empresa a amadurecer e prosperar no longo prazo", disse.

"Agora está claro, contudo, que as crenças e a abordagem de liderança que guiaram a minha carreira são inconsistentes com o que vi e vivenciei na Uber, e eu não posso mais continuar como presidente do negócio", acrescentou.

O papel de Jones foi colocado em dúvida, após o Uber lançar no início do mês uma procura por um presidente operacional para ajudar a empresa, ao lado do presidente-executivo, Travis Kalanick.

Jones vinha executando parte das responsabilidades de presidente operacional na empresa. Antes da Uber, ele actuou na Target TGT.N , onde foi diretor de marketing e responsável por modernizar a marca da retalhista.

"Queremos agradecer ao Jeff pelos seus seis meses na empresa e desejar-lhe tudo de melhor", disse um porta-voz do Uber por email.

Separadamente, o vice-presidente de mapas e plataforma de negócios da Uber, Brian McClendon, afirmou que planeia deixar a empresa no fim do mês para atuar em política.

"Permanecerei como consultor", disse McClendon em comunicado à Reuters. "As eleições deste outono e a actual crise orçamental no Kansas estão a motivar-me a participar plenamente na nossa democracia", afirmou.

Jones e McClendon são os últimos de uma série de executivos de alto escalão da Uber a deixar a companhia.

No mês passado, o executivo de engenharia Amit Singhal foi convidado a renunciar devido a uma alegação de assédio sexual no seu emprego anterior na Alphabet GOOGL.O , holding do Google.

No início deste mês, o vice-presidente de produtos e crescimento do Uber, Ed Baker, e o pesquisador de segurança, Charlie Miller, também saíram do grupo. (Reportagem adicional de Subrat Patnaik, em Bangalore; Traduzido para português por Sérgio Gonçalves; Editado em português por Patrícia Vicente Rua)

Últimos comentários

Divulgação de riscos: A realização de transações com instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve altos riscos, incluindo o risco de perda de uma parte ou da totalidade do valor do investimento, e pode não ser adequada para todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos tais como eventos financeiros, regulamentares ou políticos. A realização de transações com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir realizar transações com instrumentos financeiros ou criptomoedas, deve informar-se sobre os riscos e custos associados à realização de transações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente os seus objetivos de investimento, nível de experiência e nível de risco aceitável, e procurar aconselhamento profissional quando este é necessário.
A Fusion Media gostaria de recordar os seus utilizadores de que os dados contidos neste website não são necessariamente fornecidos em tempo real ou exatos. Os dados e preços apresentados neste website não são necessariamente fornecidos por quaisquer mercados ou bolsas de valores, mas podem ser fornecidos por formadores de mercados. Como tal, os preços podem não ser exatos e podem ser diferentes dos preços efetivos em determinados mercados, o que significa que os preços são indicativos e inapropriados para a realização de transações nos mercados. A Fusion Media e qualquer fornecedor dos dados contidos neste website não aceitam a imputação de responsabilidade por quaisquer perdas ou danos resultantes das transações realizadas pelos seus utilizadores, ou pela confiança que os seus utilizadores depositam nas informações contidas neste website.
É proibido usar, armazenar, reproduzir, mostrar, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste website sem a autorização prévia e explicitamente concedida por escrito pela Fusion Media e/ou pelo fornecedor de dados. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados pelos fornecedores e/ou pela bolsa de valores responsável pelo fornecimento dos dados contidos neste website.
A Fusion Media pode ser indemnizada pelos anunciantes publicitários apresentados neste website, com base na interação dos seus utilizadores com os anúncios publicitários ou com os anunciantes publicitários.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que há qualquer discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.